Renata e o banho que terminou em muito sexo

Ela perdeu a aposta e teria que dar um banho em Paulo. Mas lógico que nenhum dos dois resistiu e tudo terminou de um jeito bem gostoso



Renata – Ai, eu não acredito que eu apostei isso com você!

Paulo – Aposta é aposta! Agora vai ter que me dar banho, sim! Banho completo...

Renata – Tá bom, mas eu não vou tirar o biquíni!

Paulo – Combinado. Aliás, belo biquíni! Pequeno, de lacinho, vermelhinho... (“Nossa, como ela é gostosa. Maravilha ganhar essa aposta, mas não vou me segurar!”).

Renata – Nem é para você ficar olhando! Vai, abre o chuveiro e tira a roupa para a gente terminar logo com isso. Eu não vou olhar pra baixo! (“Ai, caramba. Ele vai ficar pelado e eu vou acabar dando uma olhada. Ele é tão gostosinho...”).

Paulo – Tá bom, vou tirar tudo de uma vez. Também estou com vergonha, mas lá vai! (“Espero que ela goste do meu corpo e do meu pau. Ele já está meio duro...”).

Renata – Entra você primeiro no chuveiro. Eu não estou olhando, vou te ensaboar sem olhar nada e não vou lavar “ele”. (“Acabei olhando! Será que ele percebeu! O pau dele é grosso e grandinho, e essa bunda durinha? Que gostoso... Aiiiii...”).

Paulo – Pode entrar que a água está gostosa. Pronto, eu já me molhei, pode começar a me ensaboar. Quero ficar cheiroso, capricha!

Renata – Tá bom. Vira de costas. Levanta os braços, tô ensaboando tudo.

Paulo – Tem de lavar as minhas pernas...

Renata – Deixa eu passar o sabão nas suas coxas. (“Que coxas grossas, que bunda linda. Estou excitada demais.”).

Paulo – Agora vou virar para você lavar meu peito, meu rosto e passar o xampu.

Renata – Vira, então. Não vou olhar pra baixo. Deixa eu ensaboar o seu peito, sua barriga... Agora fecha os olhos para eu passar o xampu. (“Que cabelo bonito que ele tem. Que boca, que corpo. Ai, vou olhar. Que delícia, tô com água na boca”).

Paulo – Que massagem gostosa no meu cabelo, tô adorando! (“Meu pau tá ficando bem duro, não tô resistindo. Preciso comer essa gostosa. Que bunda deliciosa nesse biquíni, que seios lindos e durinhos”).


Mulher deitada de costas e com os olhos fechados recebe massagem

Renata – Agora deixa eu enxaguar tudo. Isso, vai ficar bem cheiroso e minha aposta foi paga! (“Que pinto gostoso, duro pra mim e só pra mim! Tão grosso, com essa cabeça pra fora pedindo carinho...”)

Paulo – Tá vendo como ele fica pra você? Lava ele também, lava?

Renata – Só um pouquinho. Deixa eu passar sabão. Estou passando nele todinho.

Paulo – Isso, que delícia. Ele está adorando. Agora enxagua.

Renata – Pronto, tô jogando água nele. Por que ele está tão duro?

Paulo – Pra você. Tá duro e cheiroso, querendo um beijo seu.

Renata – Não posso.

Paulo – Pode, sim. Só um beijo rápido.

Renata – Assim? (“Hummm, que delícia! Como eu tava querendo isso, cheia de água na boca. Que pau gostoso!”)

Paulo – Aiii... Isso, assim mesmo. Gostosa. Vem cá, deixa eu te lavar também.

Renata – Você vai me lavar? Mas daí eu vou ter que ficar peladinha...

Paulo – Pode ficar. Eu cuido de você.

Renata – Assim? Vai cuidar dos meus peitos?

Paulo – Que lindos. Cabem na mão e na boca, tão durinhos. Deixa eu passar sabão e enxaguar. Agora vou beijar... Hummm...

Renata – Ai, que bom! Você está cuidando direitinhoooo... Aiiii. Isso, dá mordidinha e chupa o biquinho. Aiii...


Leia também: Érica Se Entrega Toda ao Vizinho Tarado


Paulo – Agora preciso lavar o corpo todo.

Renata – Mas você quer que eu tire a parte de baixo? Você vai ver a Renata toda peladinha pra você? Assim, ó....

Paulo – Como você é linda e gostosa. Adorei ela, sabia? Só um pouco do pelinho moreno em cima e embaixo toda raspadinha.

Renata – Pra você... Ensaboa tudo, ensaboa... Fazendo carinho. Uiiii... Isso, faz carinho aí, isso!

Paulo – Que clitóris gostoso, vou lamber, chupar, fazer sucção... Deixa eu usar o chuveirinho junto.

Renata – Isso! Aiii, que tesão. Como você é bom.

Paulo – Poe a perna aqui em cima do meu ombro. Isso! Vou cair de boca.

Renata – Aiiiiii.... Hummmm!

Paulo – Agora vira de costas para eu cuidar dessa bundinha deliciosa. Isso mesmo, põe as duas mãos na parede do box. Isso, arrebita a cintura. Deixa eu passar sabão nesse bumbum lindo e no cuzinho.

Renata – Aiiii, gostosoooo! Cuida do cuzinho, isso! O que você vai fazer agora? Por que você está se ajeitando aí?

Paulo – Agora eu vou fazer carinho na sua bocetinha com ele, tá vendo? Tá sentindo como ele tá duro? Quer te comer assim, por trás...

Renata – Por trás? Você vai meter nela?

Paulo – Vou. Assim, ó!

Renata – Aiiiii! Que pau gostoso, põe tudo. Me pega...

Paulo – Vou puxar seu cabelo, te segurar pela cintura e meter forte.

Renata – Isso, faz forte. Eu gosto forteeeeee!

Paulo – Tesuda! Gostosa! Toma tapa nessa bunda linda!

Renata – Sou tua, me pega!

Paulo – Agora vem cá, vira de frente e me beija...

Renata – Hummm... Beijo bom.... Nossa, que pegada. Isso, me ergue no seu colo.

Paulo – Tesuda... Quero meter assim, Escorrega toda no pau...

Renata – Ai, isso me segura pela bunda e deixa eu quicar no seu colo em cima desse pinto gostoso...! Me pressiona na parede...

Paulo – Boceta gostosa, apertadinha, molhada. Gosta que eu rebole com o pau todo nela?

Renata – Ai, meu clitóris tá adorando esse movimento. Vou gozar, mete e rebola. Vai, isso! Aiiii! Hummmmmmmm!!! Ahhhhhhhhhhhhh, delícia!

Paulo – Também vou gozar! Toma, bem forte! Ahhhhhhh!!!! Uhhhhhhh! Tô gozando muito dentro dessa xana gostosa.

Renata – Que gozo gostoso . Tudo dentro de mim, bem quente.

Paulo – Para quem era só amigo acho que a gente se deu muito bem, né?

Renata – Nos demos mesmo! Acho que podemos recomeçar o banho e continuar lá na cama, concorda?

Paulo – Lógico! Mas aposto que na próxima você goza antes...

Renata – Apostado! Quero perder de novo...